Meu amor, minha querida!

Por mais que eu me arrume e me produza, quando me aproximo de você sinto-me um “patinho feio” ao lado de um cisne fascinante, garboso, elegante.
A sua voz é sensual, os seus gestos elegantes, e o seu bom gosto para com as suas roupas também me impressiona, embora tenha um tom casual.
Adoro o seu modo discreto de ser (sorrisos tímidos, mas sinceros, por exemplo). Sua fala mansa e pausada, e suas observações pertinentes e inteligentes.
Farei qualquer coisa para que você se mantenha sempre perto de mim, pois eu adoro sentir os toques das suas mãos doces e carinhosas, adoro sentir o seu cheiro. Você é linda!